Seguro Auto para Idosos - Existem diferenciais especiais para você

A equipe da Buffalo Corretora de Seguros foi buscar o entendimento do que é importante para o Idoso e como podemos oferecer o que é de mais relevante com nossos serviços e produtos na área de seguros. Nessa pesquisa, nos deparamos com comportamentos e exemplos de outras culturas, que nos fez refletir do quanto é importante proteger os nossos idosos, hoje tão jovens, e com tanto valor a nos oferecer.

Selecionamos um texto da Silvia Masc da Universidade de Juiz de Fora, que vale a pena ler. Ele fala de como o idoso é visto no oriente. Sinta-se a vontade para “pular” para o final dessa página se quiser conhecer o que existe de benefícios específicos para o idoso nas coberturas de Seguro Alto Sênior aqui no Brasil.

Envelhecer é sinônimo de sabedoria e respeito no Japão.

No Japão e na China , envelhecer é sinônimo de sabedoria e respeito. Envelhecer é natural e inerente a toda espécie e tem sido preocupação da chamada civilização contemporânea. “Lá”, os idosos são tratados com respeito e atenção pela vasta experiência acumulada em seus anos de vida.

Os familiares mais jovens declaram com orgulho os sacrifícios realizados pelos seus idosos em benefício da família, como a iniciação ao trabalho muito cedo com pouca instrução para o sustento e estudo dos filhos, demonstrando sempre alegria, festa e plenitude pela presença do idoso.

A cultura dessas sociedades tem como tradição cuidar bem, glorificar e reverenciar seus idosos, resultado de uma educação milenar de dignidade e respeito.Os japoneses consultam seus anciãos antes de qualquer grande decisão, por considerarem seus conselhos sábios e experientes.

Em outros grupos das sociedades antigas, o ancião sempre ocupava uma posição digna e era sinônimo de forte aspiração perante todos. Os idosos têm intensa atuação nas decisões importantes de seus grupos sociais, especialmente nos destinos políticos.

Na antiga China, o filósofo Confúcio ( que viveu entre os anos 551–479 a.C) já apregoava que as famílias deveriam obedecer e respeitar ao individuo mais idoso.
Na tradição japonesa é festejado de forma solene o aniversário do idoso. No Japão, o Dia do Respeito ao Idoso (Keiro no hi) é comemorado desde 1947, na terceira segunda-feira de setembro, mas foi decretado como feriado nacional apenas em 1966.

Trata-se de um feriado dedicado aos idosos, quando os japoneses oram pela longevidade dos mais velhos e os agradecem pelas contribuições feitas à sociedade ao longo de suas vidas.

Não se pergunta a idade a uma mulher jovem, mas sim às mais idosas, que respondem com muito orgulho terem 70 ou 80 anos, ao contrário do que se passa na sociedade brasileira, em que a partir de certa idade não se deve perguntar a idade a uma senhora para não causar constrangimentos, como terem-se muitos anos de vida fosse um motivo de vergonha ou ter-se algo a esconder.

Na tradição japonesa, ao completar 60 anos, é permitido ao homem o uso de blazer vermelho, pois somente com seis décadas de vida há a liberdade de usar a cor dos deuses. (No Brasil a cor vermelha é destinada para os mais jovens, à medida que os indivíduos envelhecem as cores destinadas são as mais claras, pálidas, sóbrias, tristes).

Na sociedade chinesa é comum se encontrar anciãos, com 90/100 anos, fazendo diariamente atividade física nos parques municipais.

Como podemos mudar esse quadro no Brasil?

  • Estreitar o relacionamento com as pessoas idosas próximas, ouvir e valorizar suas histórias de vida.
  • Conhecer mais sobre os aspectos sociais, econômicos, étnicos, culturais, legais e biológicos do envelhecimento na sociedade brasileira e repensar as atitudes/valores quanto ao idoso.
  • Desmistificar as causas de criação de mitos e falsos parâmetros acerca da velhice no Brasil.
  • Investir nas crianças de um aos três anos, momento da constituição da personalidade, propiciando a aproximação das mesmas aos idosos e que pelo exemplo de cuidado, atenção e respeito de seus pais a essas pessoas, as crianças poderiam internalizar esses valores/atitudes, apoiadas pelas escolas, igrejas e grupos sociais.
  • Reconhecer a potencialidade laborativa dos idosos sua saúde, energia e criatividade.
    Favorecer a inclusão social do idoso promovendo o sentido da sua existência.
  • Enfim, o envelhecimento deve ser visto como o alcance de certo patamar de desenvolvimento humano, indicado pela presença de papéis sociais e de comportamentos considerados como apropriados ao adulto mais velho, designando-lhe adjetivos como experiente, prudente, paciente, tolerante, ouvinte, e acima de tudo sábio.

O que existe hoje dentro das coberturas de seguro no Brasil que podem fazer toda diferença na vida dos nossos idosos?

Segundo o IBGE, é considerado idoso quem tem 60 ou mais anos de idade e representa hoje 12% da nossa população. A previsão é que alcance 30% até 2050.
A cada ano, 650.000 pessoas chegam a essa idade no Brasil. O nosso idoso hoje não encaram a fase como fim das atividade úteis. Encerrar o ciclo formal de trabalho é uma coisa, descansar já é outra, na visão desse novo idoso. Para grande parte deles, é o momento de realizar sonhos que acabaram sendo engavetados no passado. Com saúde, independência financeira, liberdade e autonomia é o momento para conquistarem a vida que sempre sonharam. E viajar, dirigir, “cair” na estrada por essas paisagens que só a nossa diversidade biológica pode oferecer, é só mais uma das muitas aventuras, e que está apenas começando.
Pensando em proporcionar os melhores momentos nessa fase e com segurança, as seguradoras no Brasil, inteligentemente, desenvolveram um pacote de serviços que impressionam até os mais céticos. Todos pensando na mobilidade, acessibilidade e inclusão do Idoso.

Um pouco dos benefícios exclusivos para Idosos

Além de todos os benefícios de um Seguro de automóvel, confira alguns dos benefícios que podem estar inclusos e que fazem toda diferença nessa fase:

  • Instalações para sua casa: como instalação de varal de teto, de prateleira, de olho mágico, de pega-ladrão, de ferrolho, de trilho ou de varão de cortina e de quadros;
  • Instalação e configuração de equipamentos de informática, assistência e configuração de smartphones (celulares), smart TVs (TVs com acesso à internet) e videogames;
  • Mudança de móveis: mão de obra para mudar de lugar o mobiliário dentro da residência;
  • Portador motorizado: serviço gratuito de entrega e de retirada de documentos e de objetos;
  • Transporte gratuito para consultas médicas ou exames.

O que a Buffalo preparou para você, idoso?

A Buffalo tem profissionais preparados para conversar sobre seus sonhos, das possibilidades e o que é possível fazer para se proteger e tornar sua vida ainda mais repleta de novas experiências.